“A interrupção da gestão atual seria uma tragédia para Brasília”, afirma Rollemberg

O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, se mostrou contrário à decisão judicial da 7ª Vara da Fazenda Pública, que pede o afastamento do Conselho Administrativo do Instituto do Câncer Infantil e Pediatria Especializada (Icipe) do Hospital da Criança de Brasília José de Alencar (HCB), gestão considerada excelência pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Rollemberg busca apoio do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) para manter a administração da unidade de saúde ao Icipe. Segundo ele, o Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF) analisou e aprovou todos os processos que envolvem a administração da unidade. “Tudo está dentro da legalidade, como chamamento e contratos. Mas, se for necessário, nós vamos fazer ajustes e modelagens. O que não podemos é perder esse modelo de gestão, especialmente próximo a inaugurar um novo prédio com 202 leitos”, afirmou.

O governador garantiu ainda que o GDF não tem condições de gerir a unidade. “A interrupção do modelo de gestão atual seria uma tragédia para Brasília, inclusive porque estamos com dificuldade de contratação de pediatras”, alegou, informando ainda que vai solicitar uma audiência com a desembargadora relatora do caso a fim de mostrar a consequência de tirar o Icipe da gestão do Hospital da Criança. “A unidade é referência a nível nacional e mundial”, disse.

Mobilização

Para quem faz tratamento no HCB, o sentimento é de insegurança e receio de ficar sem atendimento. Por isso, autoridades públicas, médicos, enfermeiros, familiares e pacientes convocaram uma mobilização contra a saída do Instituto de Câncer Infantil e Pediatria Especializada (Icipe) da gestão do Hospital da Criança de Brasília. O ato simbólico está marcado para as 9h30, desta quarta-feira (18/4), e contará com a presença de Rollemberg. Será dado um abraço ao redor da sede da instituição, no Setor de Áreas Isoladas Norte (Sain).

Confira as notícias publicadas envolvendo o caso:

Correio Braziliense: Governador busca ajuda para manter gestão privada do Hospital da Criança

Metrópoles: Familiares marcam ato contra mudança na gestão do Hospital da Criança

Correio Braziliense: Sob risco de ser fechado, Hospital da Criança é abraçado pelos brasilenses

Correio Braziliense: Fonseca: “Se não querem ajudar, nos permitam cumprir nossa obrigação”

Saúde no DF: Hospital da Criança de Brasília: é pau, é pedra…

Metrópoles: Jairo Bisol se solidariza a secretário após OS perder gestão de hospital

Saúde no DF: Justiça tóxica


Os comentários estão fechados.